quarta-feira, agosto 08, 2007

Phalaenopsis deliciosa






















O nome desta pequenita não podia ser mais apropriado: ela é mesmo uma delícia, tanto de folhas como de flores. Até as raízes são bonitas, todas prateadas!
É mais uma espécie que passou de Kingidium para Phalaenopsis na revisão do género feita por Christenson em 2001. A sua área de distribuição vai do Sri Lanka e Índia até às Filipinas e Sulawesi, passando pelo Bornéu e Tailândia. Com uma distribuição tão vasta, a variação dentro da espécie é significativa (e a lista de nomes que já teve também...), mas de uma maneira geral apenas uma subespécie é reconhecida, a subsp. hookeriana, que tem as flores amareladas em vez de brancas e é encontrada apenas no nordeste da Índia e centro sul da China.


As condições são as normais para as Phalaenopsis: boa luz indirecta, humidade alta, temperaturas médias/altas, ventilação e substrato com boa drenagem se estiver em vaso - a minha está montada numa placa de cortiça que mede cerca de 9 x 9 cm e parece contente com a situação. Nesta altura do ano é borrifada uma a duas vezes por dia, e adubada duas vezes por mês.

1 comentário:

Greenman disse...

Simplesmente deliciosa!
Muito bonita!
Tu e as tuas pequeninas sempre a surpreender!...
:-)